Balanceamento e alinhamento mecânico

Luis Cyrino
9 maio 2023
0
1634

Balanceamento e alinhamento mecânico

Balanceamento e alinhamento e mecânico é um requisito essencial presente em certos sistemas de transmissão. Não fazer isso corretamente é certo que seu funcionamento será irregular de todo sistema/conjunto.

Portanto, podemos afirmar que o alinhamento e balanceamento é um requisito extremamente crítico, particularmente em máquinas e equipamentos rotativos.

Juntamente com a velocidade, carga de lubrificação e temperatura, a precisão do alinhamento e balanceamento prolonga a vida de muitos elementos de máquinas. Tais como engrenagens, acoplamentos, rolamentos, correias e correntes, entre outros elementos.

Conceito de balanceamento e alinhamento mecânico

Balanceamento mecânico é uma técnica de trabalho para aumentar a distribuição de massa de um corpo girante. Isso é feito para que esse corpo possa girar em seus rolamentos/mancais sem que forças centrífugas desequilibradas atuem sobre ele.

Isso significa, portanto, que quando um sistema girante estiver funcionando em equilíbrio, seu funcionamento será correto e eficiente.

Alinhamento mecânico é uma técnica de montagem ou recurso utilizada em máquinas e equipamentos rotativos. Tem como finalidade manter alinhados a linha de centro de eixos rotativos, de forma paralela ou angular, no mesmo plano de trabalho.

O objetivo do alinhamento é garantir o correto funcionamento de transmissões rotativas, com isso eliminar vibrações, aquecimento, desgastes e dar maior durabilidade aos elementos de máquinas e suas transmissões.

Requisitos para um correto balanceamento e alinhamento

As máquinas e equipamentos normalmente possuem sistemas que precisam de um perfeito alinhamento e balanceamento. Isso para que esses sistemas possam operar de forma adequada com máximo de eficiência e o mínimo de desgaste. Para isso temos um fator importante e que influencia diretamente a eficácia desses itens:

  • Projeto e fabricação: é certo que tudo começa na elaboração do projeto e fabricação com definição de medidas e formas geométricas que permitam um perfeito alinhamento e balanceamento dos sistemas rotativos. Qualquer erro de projeto e/ou fabricação vai impactar num problema crônico, de difícil solução em campo.

Formas de se fazer o balanceamento e alinhamento

Uma vez o projeto e fabricação concluídos e que já definem por si só alguns alinhamentos e balanceamentos, esses sistemas requerem um acompanhamento de forma periódica.

Quanto ao balanceamento existem dois tipos básicos que podem ser realizados em sistemas mecânicos:

  • Balanceamento estático
  • Balanceamento dinâmico

Quanto ao alinhamento temos basicamente três forma de fazer isso:

  • Alinhamento à laser (método mais preciso)
  • Alinhamento com relógio comparador (preciso, com certas restrições de uso)
  • Alinhamento com régua e bloco padrão (não preciso).

Benefícios do correto balanceamento e alinhamento

A importância do correto alinhamento e balanceamento em sistemas mecânicos fica evidenciada com muitos benefícios, tais como:

  1. Diminuição de atrito, aquecimento e vibração 

Quando esses itens estão perfeitos se evita o atrito, aquecimento e a vibração nas partes rotativas de máquinas e equipamentos. Essas condições deixam de provocar o desgaste e aquecimento excessivo das peças e, consequentemente, no desperdício de energia.

  1. Fixação segura 

O alinhamento e balanceamento corretos também evita que os parafusos e sistemas de fixação dos maquinários fiquem frouxos ou soltos. Partes soltas são indícios de problemas e com certeza isso é causado por uma deficiência de alinhamento e/ou balanceamento.

  1. Economia de energia elétrica

Eixos/transmissões alinhadas e balanceadas fazem com que as máquinas trabalhem em níveis normais de esforço. Desse modo seus componentes como engrenagens e rolamentos não ficam sobrecarregadas. E consequentemente não geram desgastes e um maior consumo de energia elétrica.

  1. Peças sem risco de sofrer trincas/rupturas

Na ausência de excesso de vibrações, atrito e aquecimento, o risco de trincas ou rupturas são bem menores ou praticamente nulas. Itens como eixos, flanges, parafusos, rolamentos, etc.

  1. Aumento da vida útil 

Com base em todos os benefícios descritos acima, fica evidente que o alinhamento e balanceamento de certos sistemas de transmissão garante maior vida útil desses sistemas. Portanto fica claro que o alinhamento e balanceamento quando não realizado de forma correta, os problemas são certos.

E com certeza o maior problema vai se concentrar nos rolamentos e mancais, componentes largamente utilizados em sistemas de máquinas e equipamentos.

Os rolamentos mais comuns usados são os rolamentos de esferas e de rolos. A análise estatística da vida de um rolamento em relação às forças aplicadas é enfática. O resultado descreve como a vida de um rolamento é afetada por forças aumentadas devido ao alinhamento ou balanceamento irregular.

Conclusão

No processo de gestão de máquinas e equipamentos, esses fatores de alinhamento e balanceamento não podem ser negligenciados. Isso porque durante a análise de uma falha, o fator alinhamento ou balanceamento é frequentemente esquecido.

Mesmo que a equipe de Manutenção tenha ferramentas e treinamento adequados, a gestão deve ter pessoas orientadas para os detalhes. Combinando diferentes ferramentas como monitoramento de condição e treinamento adequado, a redução de falhas causadas por esses dois fatores é certa.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *